quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Azulejos de Lisboa

LISBOA DOS PUTOS





































Seis séries de Azulejos, sobre Lisboa Antiga

Cada azulejo tem 0,15Xo,15

*****************************

18 comentários:

  1. Relembras de uma maneira muito bela
    as brincadeiras das crianças,na rua,
    quando podiam brincar despreocupadas!
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  2. Nossa!
    muito brinquei na rua despreocupada pulando corda, amarelinha, soltando pipas e equilibrando rodas.. tempos bons.
    Não conseguia postar.
    bjs

    ResponderEliminar
  3. Coisa boa ser criança, brincar na calçada riscada, pular corda, soltar pipa... Mas 'putos' por aqui é outra coisa, rsrsrs.

    beijos
    tais luso

    ResponderEliminar
  4. A jovialidade destas séries é linda!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  5. Boa noite!

    Não me lembro de ter visto este seu espaço alguma vez. Ou talvez sim, mas no corre-corre da vida e da blogosfera, perdi-o.

    Confesso-me muito pouco conhecedor de arte, mas aprecio o que é bonito e gostei muito da maioria do que aqui apresenta.

    Bem haja

    Francisco

    ResponderEliminar
  6. ...lindos como sempre,
    e tbm me fez voltar aos tempos
    em que era feliz e não sabia.

    e quanto ao seu relacionamento
    com Deus.

    duvido que não seja profundo,
    pela alma linda que todo
    artista tem.

    bjbjbj

    ResponderEliminar
  7. Zé, meu querido amigo!
    Esses azulejos trouxeram-me ótimas recordações do meu tempo de crianças, quando brincávamos felizes com as crianças da redondeza.....Belíssimos, parabéns!
    Beijos.....

    ResponderEliminar
  8. *
    Um Post
    Bem inspirado,
    ,
    Parecem bandos de pardais à solta
    Os putos, os putos
    São como índios, capitães da malta
    Os putos, os putos
    Mas quando a tarde cai
    Vai-se a revolta
    Sentam-se ao colo do pai
    É a ternura que volta
    E ouvem-no a falar do homem novo
    São os putos deste povo
    A aprenderem a ser homens.
    ,
    In – Ary
    ,
    Abraço,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  9. Olá Amigo Andrade!
    Como sempre coisas maravilhosas gostei muito mesmo você é um grande Mestre,Mil beijos da Tia.

    ResponderEliminar
  10. Olá amigo! mais uma bela série. desta vez, as crianças brincando. Ótimo trabalho.

    Obrigado pelas explicações dadas sobre a tinta utilizada.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  11. belos!!obrigada pelo carinho la no meu blog bjo!

    ResponderEliminar
  12. Voici ma nouvelle blogue poéthique...

    Poésie étrangère

    Et, toujours :

    Sur le pont d'Avignon. Le coup frappa l'enfant à la mâchoire. Il resta debout. Souriant. Le tireur: rien. Le fusil: aucun. Et il y avait cette aube et ce soir pleins des expectations les plus brillantes.

    Poétudes

    S'il vous plait...

    - Peter Ingestad, Sverige

    ResponderEliminar
  13. Lindíssimo trabalho, meu amigo!
    Estou encantada!
    Grande abraço, preenchido de gratidão pela tua visita!

    ResponderEliminar
  14. Que delícia de post, acho que estamos na mesma sintonia, hoje fiz uma postagem homenageando as crianças, em mpusica vc demonstra os azuleijos retratando a infância, show mwsmo!! Amigo, vim deixar mais um abração de urso, e falar da minha admiração para com seu blog e para com seu coração que é belo, divino, obrigada por tanto carinho que me leva cada vez que vai em meu cantinho da harmonia, que alegria e orgulho em poder dizer este é meu amigo!!! Amigo meu, aquele abração de urso, em seu coração!!!
    com carinho
    Hana

    ResponderEliminar
  15. Andradarte
    Adorei os azulejos
    Lindo o teu espaço


    o hoje é o principio do começo de...amanhã.
    boa semana e um beijo

    ResponderEliminar
  16. Gostoso quando vemos ou lemos algo que nos transporte ao passado...la na infância onde brincar era o nosso maior problema.
    Obrigada por tão doces lembranças relembradas ao entrar aqui, adorei!
    Beijossssssssss

    ResponderEliminar
  17. Brincadeiras da minha infância, como era feliz!

    ResponderEliminar
  18. J'aime vraiment cette série très poétique.....

    José pour répondre à ta question: Karen peint à l'acrylique!
    beijo.
    Tu peux utiliser le traducteur sur mon blog.....
    merci pour ta fidélité.

    ResponderEliminar